Newsletter
07/01/2014 - por Mariana Henriques

Falar de relacionamentos é uma questão complicada, parece que cada casal tem seu jeitinho de se entender e viver feliz, mas na verdade existem alguns fatores que se todo casal conseguir praticar, com certeza terão um relacionamento mais saudável e feliz, pois serão acima de tudo parceiros! Claro que precisa existir a paciencia, força de vontade e cada um estar disposto a ceder.

Baseado nesses fatos, nossas dicas são muito especiais para colocar em prática e perceber o quanto pode melhorar seu relacionamento, para isso os dois precisam estar aptos e dispostos!

- Um problema recorrente em uma relação é o desentendimento de idéias, valores e gostos. Claro! Isso porque ninguém é igual a ninguém, você pode encontrar alguém que seja parecido com você nessas questões, mas ao mesmo tempo você pode amar alguém que seja completamente diferente, e nessas horas além de aceitar a pessoa como ela é, e tentar se adaptar, também existe o “ceder” da parte dos dois.
Por exemplo, se você gosta de filme de romance e ele de ação, não é por isso que a ida ao cinema precisa sempre se tornar uma briga ou estresse porque cada um tem seu desejo, é preciso que a cada dia um realize o desejo do outro. Pense que a cada vez que você ceder em realizar um desejo do outro, é natural que o outro também sinta mais vontade de realizar seus desejos.

- Dividam as tarefas! Até conversar sobre isso é uma boa idéia para não causar brigas futuras. Não é justo que um dos dois fique com toda a tarefa da casa se vocês moram juntos. Então, combinem de fazer a cama juntos, cozinhar juntos, ou se um cozinha o outro lava a louça. As tarefas de casa feitas juntos até aproximam o casal e nenhuma mulher ou nenhum homem precisa virar mãe ou pai do outro em casa. E se não moram juntos, procurem tarefas que façam parte da rotina para realizar juntos, como assistir um seriado ou andar de bike no parque todo domingo, por exemplo.

- Agradeça! Por mais que você esteja acostumado/a com algumas coisas, não esqueça de agradecer, agradeça o jantar, a carona, a paciência em te ouvir quando você precisa desabafar, etc… Um “obrigado/a” é muito bem vindo e parece que renova o amor, faz a pessoa se sentir especial, pois mostra o quanto um valoriza o ato do outro.

- Elogie! O elogio NUNCA deve sumir da rotina de um casal, por mais que estejam juntos toda hora, acostumados com muita coisa, namorando ou casado há anos, não se limite a elogiar. Isso também renova o amor e enche os olhos da outra pessoa de brilho e o coração de felicidade!

- Esqueça o orgulho! Para viver uma relação, você PRECISA estar ciente de que muitas vezes você vai ter que deixar seu orgulho de lado, afinal, o que adianta ignorar ou passar horas/dias tratando a pessoa indiferente por algo que ela fez, se no fundo vocês sabem que se amam e irão se resolver? Essa atitude só causa tristeza aos dois e mesmo quando as coisas ficam bem, fica aquela insegurança sobre o que passou. Por isso, se você namora ou é casado, não tenha medo de de ir atrás da pessoa depois de uma briga. Fale o que sente, mostre onde errou, deixe claro o que aceita e não aceita para juntos poderem melhorar o relacionamento!

- Não diga a pessoa que ela errou se é um fato insignificante. Se você sabe que pode esquecer aquilo ou se foi algo tão pequeno, pra que causar discórdia? Tente pensar antes de agir, já conhecendo a pessoa você consegue imaginar como ela pensou em relação aquilo, às vezes é um erro pra você mas ela foi totalmente inocente em comete-lo. Procure esquecer e deixar de lado, ninguém é como você, e será uma chatice ter seus erros apontados a todo momento.

- Sejam melhores amigos! Ter um melhor amigo/a ao seu lado todos os dias em todos os momentos, é um privilégio! Você não precisa nem sair de casa para desabafar ou basta pegar o telefone e ligar! Procure não esconder nada de seu parceiro/a e assim ficarão amigos pela vida inteira… Incentive o outro, esteja disponível quando ele/ela precisar, demosntre carinho! Uma das melhores partes de ter um relacionamento é também ter um amigo/a a qualquer hora! Afinal, cada um tem seus amigos, mas os amigos também tem suas vidas, tarefas, família, não é sempre que estarão disponíveis para nós, como o seu amor estará!

- Não deixe o “fogo” apagar. O sexo é um fator essencial para a relação, invista nele! Ele aproxima você e seu parceiro/a, além de cultivar a intimidade. É legal pensar sempre em coisas diferentes para agradar o outro, e além disso tentar manter uma “rotina” de pelo menos tomarem banho juntos. Ter alguns dias na semana para jantar, tomar um bom vinho e depois se dedicarem a um momento especial a dois. Incentive e seja incentivado!

Enfim, não leve algumas coisas tão a sério. Procure viver um relacionamento mais leve e também mais feliz! Aposte no diálogo e no carinho! E lembre-se: “Não é o amor que sustenta o relacionamento, é o modo de amar que sustenta o amor!”

” O amor se cultiva, o amor se lapida, o amor se estimula. O amor morre, mesmo sendo real. E ainda renasce, mesmo estando morto. O Amor não é genético, não se nasce sabendo amar, você aprende a amar”
“…Não tenha medo das suas lágrimas, tenham medo, sim de não chorá-las. Não tenham receio das suas falhas, e sim de não reconhecê-las. Saiba que ninguém é digno da mais sublime inteligência se não usar suas falhas e lágrimas para irrigá-la”.

“Dialogar, verbo tão simples de pronunciar, mas tão dificil de operacionalizar. Dialogar não é conversar, falar coisas triviais, emitir sons. Dialogar é cruzar mundos, penetrar na intimidade, segredar experiências”
Augusto Cury

Deixe seu Comentário

2 Comentários
Priscila 10/01/2014 às 02:42
Maravilhoso , muito bonito !!! E verdadeiro.
Mariana 08/01/2014 às 20:37
Muito bom!!!